Header Ads

Como saber se um celular é pirata


Uma medida anunciada pela Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel, promete inutilizar os chamados “smartphones piratas”.. Isso é, celulares falsificados que funcionam de forma clandestina. Abaixo estão cinco dicas que vão te ajudar a identificar um celular pirata.

Selo da Anatel

Todos os telefones comercializados no Brasil precisam obrigatoriamente contarem com um selo da Anatel que comprova a homologação do dispositivo. Esse adesivo geralmente fica na parte traseira, na bateria ou no manual de usuário do celular. Eles trazem código de barras, o número da homologação e marca.

IMEI

O IMEI funciona de forma semelhante a um chassi de carro, ele ajuda a identificar o aparelho em questão. A ausência desse código, que vem anotado na caixa ou no próprio telefone, configura a falsificação. Para descobrir se o seu telefone tem IMEI, basta discar para o número *#06#. Importante: não revele o número para ninguém.

Preço

Você viu um iPhone sendo vendido pelo preço muito mais baixo do que realmente custa? Ou um aparelho como o Galaxy S7? Se sim, desconfie. É bem possível o telefone em questão seja uma réplica que copia apenas o visual externo do aparelho, como os famosos HiPhones, por exemplo.

Cores

Não caia no golpe de que a Apple lançou um iPhone na cor azul ou que a Samsung está investindo em um Galaxy vermelho. Verifique se as cores dos aparelhos são fiéis às que foram lançadas pelas marcas. Caso contrário, passe longe.

Detalhes

O nome dos aplicativos instalados está escrito de forma incorreta ou com fontes diferentes das tradicionais? O símbolo não é o mesmo? O telefone apresenta imagens de outras marcas ao ser ligado? Se sim, trata-se de um aparelho pirata.

Nenhum comentário